Meios de divulgação do programa de pesquisa Mapa

Início > Sobre o Mapa > Meios de divulgação

Focado na identificação dos diferentes órgãos que compuseram ou ainda compõem a administração pública do país, o programa de pesquisa Mapa busca divulgar seu trabalho em diferentes meios. Um deles é a base de dados Mapa, que integra o Sistema de Informações do Arquivo Nacional (Sian). Funcionando como um banco de dados disponível pela internet, a base permite recuperar as características fundamentais de órgãos e entidades da administração central e do Poder Executivo federal cuja documentação integra o acervo do Arquivo Nacional.

Através dela é possível realizar consultas sobre as datas de criação e extinção de cada órgão ou entidade, assim como suas alterações de denominação, estrutura, natureza jurídica, competência, nível hierárquico, legislação e a identificação de seus antecessores e sucessores em diferentes períodos da história nacional.

Um segundo meio de divulgação é a organização de publicações em torno de um recorte temporal ou de um assunto específico. Nesse sentido, o trabalho do Mapa já deu origem a dois livros: Fiscais e meirinhos, publicado em 1985, e Estado e administração: a corte joanina no Brasil, de 2010.  Nesse mesmo ano foi lançada também a série de publicações virtuais Cadernos Mapa, reunindo trabalhos monográficos disponíveis exclusivamente pela internet.

Por fim, as pesquisas realizadas pelo Mapa incluem também a elaboração de pequenos textos que buscam recuperar aspectos singulares do funcionamento dos órgãos e cargos estudados. Esses textos, elaborados a partir de um levantamento historiográfico, são organizados na forma de verbetes e compõem o Dicionário de Administração Pública On-Line, uma ferramenta disponível no sítio do Mapa na qual novos verbetes são adicionados periodicamente.

<< voltar