Cronologia do Período Joanino

1808 1809 1810 1811 1812 1813 1814 1815 1816 1817

1818 1819 1820 1821 1822

 

1817

 

BRASIL

9 de Janeiro - Concessão do título de príncipe real Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves ao então príncipe d. Pedro de Bragança.

20 de Janeiro - Ocupação de Montevidéu por tropas luso-brasileiras.

6 de Março – Estoura a Revolução Pernambucana.

7 de Março – Formação de um governo provisório em Pernambuco.

8 de Março – Criação da primeira oficina de impressão tipográfica do Recife.

10 de Março – Manifesto da Revolução Pernambucana.

19 de Abril – Carta régia de 19 de abril cria a Junta de Fazenda de Santa Catarina.

13 de Maio – Casamento do príncipe d. Pedro de Alcântara com a arquiduquesa d. Maria Leopoldina da Áustria, por procuração, na igreja de Santo Agostinho de Viena.

A partir de 19 de Maio – A Revolução Pernambucana é controlada, com a prisão e execução de vários de seus integrantes.

21 de Junho – Morte de d. Antônio de Araújo e Azevedo, primeiro conde da Barca.

6 de Agosto – Através da carta régia, de 6 de agosto de 1817, o príncipe regente d. João manda devassar a capitania de Pernambuco.

22 de Agosto de 1817 – Decreto de 22 de agosto de 1817 manda estabelecer uma alfândega na vila de Parnaíba na capitania do Piauí.

5 de Novembro - D. Maria Leopoldina e seu cortejo matrimonial desembarcam no Rio de Janeiro.

6 de Novembro – Celebração do enlace matrimonial do príncipe d. Pedro de Alcântara com a arquiduquesa d. Maria Leopoldina da Áustria.

 

MUNDO

Março – Início do governo do presidente James Monroe nos Estados Unidos.

Abril/Maio – Conspiração do general Gomes Freire de Andrade em Lisboa, reprimida pelo marechal Beresford.

Agosto – Ratificação do tratado assinado no Congresso de Viena, para a devolução de Caiena à França e a demarcação clara dos limites entre a possessão francesa e o Brasil.

Setembro – Convenção adicional ao tratado de janeiro de 1815, entre Portugal e Grã-Bretanha, que ratifica a proibição do comércio ilícito de escravos